perícia contábil
- 0 Com

Perícia Contábil: conheça a área e saiba como se especializar!

Guia de Profissões

perícia contábil

A palavra perícia é conhecida nossa. Especialmente no mundo policial, ouvimos muito esse termo. É a análise técnica de uma situação, que deve ser feita por alguém habilitado e com profundo conhecimento da área. Se em uma cena de crime os peritos procuram e analisam as provas ou evidências para se chegar a um suspeito, na área contábil a situação é parecida.

O perito contábil é o profissional habilitado para realizar essas análises nas contas de uma empresa. Segundo a Norma Brasileira de Contabilidade, somente contadores podem realizar esse trabalho de perícia contábil. O contador é a pessoa que é bacharel em Ciências Contábeis.

O trabalho da perícia contábil é bastante complexo e envolve uma série de detalhes a serem analisados pelos peritos. O procedimento consiste em reunir provas, analisá-las e conferi-las e essas podem servir como provas. Mas, para que a perícia é feita? Vamos ver a seguir:

O que é Perícia Contábil?

A Perícia Contábil é um procedimento é muito utilizado quando há algum processo judicial envolvendo a empresa em questão. Assim, é possível analisar toda a contabilidade da organização, verificar se há alguma dúvida ou fato estranho, ou ver quais contas pertencem a quais instituições. A perícia também pode ser feita em casos de venda ou compra de empresas e cálculos de processos trabalhistas, por exemplo.

Veja também: Qual a diferença entre Contabilista e Contador?

Quando há indícios de que algo não está certo na parte contábil da empresa, o perito vasculha tudo o que diz respeito às contas, tributos, pagamentos, bens e o que mais houver relacionado à Contabilidade. Essa análise é crucial para que ele encontre provas de que há – ou não – algo errado. 

Tais provas (ou a ausência delas) podem ser utilizadas em processos judiciais nos quais a empresa estiver envolvida. Pode haver um perito-contábil e um perito-contábil assistente, dependendo do tamanho da instituição e do que será analisado. Há dois tipos de Perícia Contábil, a Judicial e a Extrajudicial.

Tipos de Perícia Contábil

Perícia Contábil Judicial

A Perícia Contábil Judicial ocorre quando um juiz, em determinada parte do processo judicial, nomeia um perito para que ele realize uma perícia contábil. O perito precisa ser um profissional formado em Contabilidade e deve apresentar seu registro no Conselho Regional de Contabilidade em dia.

Se há um processo envolvendo duas partes, e as provas não são suficientes, o juiz pode decidir a realização de uma perícia contábil. O laudo da perícia dará mais subsídios para que uma decisão judicial seja tomada.

O perito não pode ter relação com nenhuma das duas partes em questão, e precisa fazer uma análise imparcial dos fatos. Ele tem um prazo para realizar seu trabalho e responderá a questões levantadas pelo juiz. As partes podem indicar assistentes para acompanhar o trabalho do perito-contador.

Perícia Contábil Extrajudicial

A Perícia Contábil Extrajudicial ocorre quando a empresa decide, por conta própria, contratar um perito contábil para fazer uma análise das suas contas. Isso acontece quando há um processo de compra ou venda de empresas, fusões ou separações, processos trabalhistas, divórcios, entre outros. Há três tipos de perícias extrajudiciais:

Uma delas é a Perícia Arbitral. É solicitada quando há um processo de arbitragem entre duas partes. A Arbitragem é uma forma de resolver conflitos quando uma pessoa ou instituição faz a parte da negociação entre as partes. 

Veja também: Quem é formado em Ciências Contábeis pode trabalhar em banco?

Já a Perícia Estatal é feita por órgãos de estado, e exemplos são as que acontecem por meio de solicitações do Ministério Público ou pelas Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs).

Por fim, temos a Perícia Voluntária. Não é que o perito trabalhe de forma voluntária, mas, sim, que a empresa decide contratar um profissional independente para verificar as contas. Essa modalidade é bastante comum quando uma empresa pretende comprar outra e quer ter mais informações a respeito dessa.

Como é realizada uma Perícia Contábil?

Há alguns passos para se realizar uma Perícia Contábil. Primeiro, o profissional analisa todos os livros, documentos e registros de transações financeiras. Com essas informações em mãos, o perito verifica se há algum fato contábil que deva ser analisado. 

Depois, ele pode procurar mais informações caso haja pessoas envolvidas com o fato em questão. Com isso, ele consegue fazer uma investigação para trazer à tona dados escondidos ou errados. Pode sugerir um valor ou a solução de problemas que encontrar. Ele também mensura todos os bens, obrigações e direitos que forem relacionados com o que se pede na perícia. Faz uma avaliação do valor desses bens, direitos, despesas e afins e, por fim, elabora o laudo pericial.

Veja também: Mercado de Trabalho em Direito.

É esse laudo que vai municiar o juiz, por exemplo, a tomar uma decisão a respeito de um processo jurídico. Mas, o laudo também traz informações valiosas sobre empresas que podem ou não passar pela aquisição por parte de outra. 

Como se tornar um Perito Contábil?

O primeiro passo é fazer um curso superior de bacharel em Ciências Contábeis. Esse curso é obrigatório para a obtenção do registro profissional no Conselho Regional de Contabilidade. Assim, ao se formar, você já pode atuar em escritórios de Contabilidade, ser responsável pelas contas de uma empresa e trabalhar de forma independente. Conheça as possibilidades de atuação no mercado de trabalho de contabilidade.

CTA curso de ciências contábeis da Ampli

E pode ser Perito Contábil. O ideal, para atuar nessa área, que está em expansão, é continuar nos estudos e fazer uma pós-graduação. O curso de Contabilidade, Perícia e Auditoria especializa o contador em fazer essas análises com mais profundidade, conhecimento e experiência. O curso oferece aulas de técnicas de gerenciamento de pessoas, Matemática e Estatística, Legislação Empresarial e Tributária, Perícia e Auditoria, para ficar em algumas disciplinas.

Assim, o Perito Contábil poderá planejar e conduzir auditorias e perícias, fazer todas as verificações contábeis da empresa, como documentos, livros e registros, bem como a gestão dos negócios. É uma boa opção para quem procura uma especialização e um campo de trabalho em ascensão.

COMENTÁRIOS